segunda-feira, 30 de abril de 2012

O Preço da Fidelidade

       
"E, posto em agonia, orava mais intensamente. E o seu suor tornou-se em grandes gotas de sangue, que corriam até o chão." Lucas 22: 44.
          Tenho a mais absoluta certeza que nunca conseguiremos compreender a profundidade do que está escrito nessa porção bíblica. Jesus estava ali no jardim Getsêmani, sozinho e em profunda agonia. Seu sofrimento chegou as raias do insuportável, ao ponto de seus vasos dilatarem-se, fazendo com que o sangue escorresse juntamente com o suor. Que dor terrível expressada no seguinte apelo: "Pai , se queres, passa de mim este cálice; todavia não se faça a minha vontade, mas a tua". É inevitável o desejo que temos de interpretar essa passagem bíblica de outra forma qualquer, que não seja a tentativa desesperada do Cristo em buscar outra forma de redenção, porém, o texto não nos deixa outra alternativa. Entretanto o que poderia ser compreendido como fraqueza, transforma-se na mais bela manifestação da humanidade do Nazareno, que ante a própria morte rejeitou ceder ao apelo de sobrevivência presente em todo ser humano, para lançar-se determinadamente e fielmente rumo ao propósito do Criador. O sangue derramado no Getsêmani tem a marca da fidelidade e do compromisso de Jesus para com o propósito de sua vinda a terra. A aplicação desse sangue tem o poder de quebrar toda raiz de engano, rejeição ou infidelidade que estejam arraigadas em nossas vidas. Aplique-o em sua vida e experimente a plenitude da redenção.

domingo, 29 de abril de 2012

O Câncer da Alma


          O câncer com certeza está entre as doenças que mais assustam as pessoas, pois sua atuação é silenciosa e se não for tratado a tempo, com certeza levará o individuo a morte. Outra característica perturbadora nessa enfermidade, está no fato da mesma não ter uma causa específica, haja vista, que tem inicio numa multiplicação degenerada das células, desencadeada inesperadamente. Além de tudo que já foi mencionado, existe ainda o fator psicológico que envolve o tratamento (radio-terapia e quimioterapia) que geralmente ocasiona sequelas que machucam. E o que falar da ação interna do câncer? Que assim como uma erva daninha, vai se alastrando por todo o organismo deixando um rastro de destruição e morte. Com certeza essa é uma experiencia que ninguém deseja enfrentar. Infelizmente irmãos, no contexto emocional e psicológico existe algo que podemos classificar como o câncer da alma, trata-se da falta de perdão que por meio do rancor, do ódio, das mágoas e dos ressentimentos tem enfermado um número cada vez maior de pessoas. Aquele que não consegue perdoar, abriga dentro de si uma enfermidade letal, que mata a alegria, os sonhos, os projetos, a esperança e a vida, podendo chegar ao ponto de levar o ser humano a desenvolver as famosas doenças psicossomáticas, como o próprio câncer. Agora pergunto: Qual justificativa podemos ter para não perdoarmos aos outros, se Deus nos perdoou dos mais terríveis pecados? Nenhuma. Quem não perdoa precisa urgentemente reconhecer que tal atitude é maléfica e que quem mais perde com esse feito é a própria pessoa. Pense nisso e nunca deixe a falta de perdão se alastrar em seu coração.

sexta-feira, 27 de abril de 2012

O Remédio Definitivo

          
          A cada dia que passa a medicina dá enormes saltos em relação a cura das mais diversas enfermidades, isso nos dá a expectativa de que brevemente a cura da aids será descoberta, porém, as aflições do homem não estão restritas apenas as mazelas físicas, antes, observamos atônitos o crescimento vertiginoso das síndromes, fobias e da depressão, que são doenças da alma. Além disso, nós como cristãos acreditamos que o ser humano possui um espírito, além do corpo e da alma. Diferentemente dos dois aspectos abordados anteriormente, o espírito só possui uma enfermidade, mas que é letal, trata-se do seu afastamento de Deus, haja vista, que quando o homem rebelou-se no Éden, seu espírito padeceu pela ausência do Criador. Quando encaramos tal realidade por esse ponto de vista, confesso que vem o desespero e os questionamentos. Será que existe uma saída? Segundo a Bíblia o sacrifício de Jesus Cristo é a saída para toda essa problemática e a aplicação do Seu sangue sobre todas as áreas de nossas vidas é o remédio definitivo para todos os males. É bem verdade que a maior parte dos cristãos já usou a seguinte expressão: "O sangue de Jesus tem poder!" Mas pergunto: Quantos de nós já aplicamos esse sangue poderoso em nossas vidas? Na cura de enfermidades, no casamento, na família, nas finanças, etc. Pergunto ainda: Qual a eficácia de um excelente medicamento que não é utilizado? Nenhuma. Portanto a partir desse entendimento decida aplicar o Sangue do Cordeiro de Deus em todas as áreas de sua vida e experimente a vida abundante que Ele deseja te proporcionar. 

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Portadores da Presença de Deus


"Assim ficou a arca de Deus com a família de Obede-Edom, três meses em sua casa; e o Senhor abençoou a casa de Obede-Edom, e tudo quanto tinha." 1º Cr. 13: 14.

          Nesse texto bíblico encontramos o relato do período em que a Arca da Aliança esteve na casa do levita Obede-Edom. Segundo a Bíblia, toda aquela família foi abençoada abundantemente simplesmente por estarem abrigando aquele objeto. Está descrito em vários textos sagrados situações semelhantes a essa, o que fazia da arca um artefato de alto valor, pois representava a presença manifesta de Deus.
          Jesus como redentor e sumo sacerdote da Nova Aliança afirmou que a presença divina não estaria mais habitando em objetos ou lugares, antes, estabeleceria morada em cada um daqueles que o recebessem como senhor e salvador de suas vidas, sendo assim nós somos o atual tabernáculo de Deus, os portadores de Suas bençãos e de Sua presença.
          Através desse entendimento podemos compartilhar a vida de Deus que há em nós com todas as pessoas que estão ao nosso redor, através do nosso testemunho, fé e pregação. Com esse objetivo o Senhor tem colocado à nossa disposição diversas estratégias (células, lares de paz, etc.) para irmos aos lares e abençoarmos às famílias, pois nós somos o tabernáculo da Nova Aliança, os portadores das bençãos e da presença de Deus e assim como a casa de Obede-Edom experimentou salvação, cura, prosperidade e alegria, os lares por onde passarmos também serão impactadas poderosamente.